Nacional

Universidade de Coimbra é património da humanidade

A UNESCO considerou a Universidade de Coimbra como património mundial da humanidade. A decisão foi hoje anunciada e é, para o ministro dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, “muito prestigiante” para Portugal.

Coimbra faz parte de uma lista de 31 locais (Fotografia de: coimbrapatrimonio.wordpress.com)

Coimbra faz parte de uma lista de 31 locais
(Fotografia de: coimbrapatrimonio.wordpress.com)

A decisão anunciada este sábado concretiza um projeto de 15 anos. A Universidade de Coimbra é, a partir de hoje, património mundial da humanidade. Para Paulo Portas, é “motivo de orgulho e regozijo” para a cidade e para o país e será benéfico para “a economia, o turismo, o conhecimento e o cosmopolitismo” de Coimbra, citou o Diário de Notícias.

O reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Silva, realçou o valor desta decisão para a cultura portuguesa. “Existem, neste momento, classificadas duas ou três universidades. É um clube muito restrito. Ter a Universidade de Coimbra presente nessa lista tão pequenina é um privilégio fantástico”, assumiu o reitor. E acrescentou que “esta classificação é, no fundo, a classificação da cultura portuguesa.”

O que contou para a candidatura da Universidade de Coimbra

Segundo o DN, assentava em quatro aspetos diferentes: os colégios da Rua da Sofia, onde a Universidade começou; o Pátio das Escolas, coração da instituição, onde está a reitoria, a Faculdade de Direito e a Biblioteca Joanina; os edifícios da reforma pombalina e o complexo do Estado Novo, na zona alta da cidade.

Candidatura aprovada pelos 21 países do comité

João Paulo Barbosa de Melo, que fez parte da comitiva portuguesa que foi até ao Camboja para participar na reunião do Comité do Património da UNESCO (que acontece entre os dias 17 e 26 deste mês), disse que “a candidatura foi aprovada pela unanimidade e de forma entusiástica pelos 21 países que integram o comité.”

31 locais concorrem a património mundial

Este é o 37º encontro da comissão que está a avaliar 31 locais naturais e culturais, que fazem parte da lista do património mundial.

O Monte Fuji, no Japão, também já foi considerado património mundial.

As casas de Médicis, Itália, a estação baleeira de Red Bay, Canadá, e a cidade de Agadez, Níger, são outros dos locais que fazem parte da lista mas ainda aguardam o veredito que sairá entre hoje e domingo.

“Coimbra em festa”

A cidade está a promover esta iniciativa para comemorar a distinção. “Coimbra em festa” acontece este domingo, na Praça do Comércio, na Baixa de Coimbra, a partir das 16 horas.

Patrícia Silva

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s