Internacional

Austrália vai matar 10.000 cavalos selvagens

As autoridades australianas querem iniciar o abate de cerca de dez mil cavalos selvagens, numa das áreas mais remotas e desabitadas do centro do país.

O plano tem início esta quarta-feira, consequência do aumento populacional descontrolado, mas com direito a protestos.

Autoridades justificam abate como forma de evitar uma crise ambiental, os animais estão a morrer lentamente de fome e de sede, aos milhares, poluindo assim, as águas e o solo.

“A destruição dos poços, em particular, tem um efeito profundo sobre os animais nativos”, afirma David Ross, director do órgão representativo dos aborígenes.

Os animais vão ser abatidos a tiro, a partir de helicópteros. É a maneira mais eficaz de se proceder ao controlo da especie, sendo que matadouro mais próximo, fica a 1500 quilómetros de distância.

“Ninguém quer vê-los sofrer, especialmente os donos das terras, que amam os seus cavalos mas estão conscientes das consequências terríveis das populações sem controlo”, completa Ross. Fonte do Jornal Público.

Os animais são descendentes da raça Waler, introduzida na Austrália no final do século XVIII.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s