Em Foco

Próximo salto: Austrália

João Ribeiro é o único português entre os 150 semifinalistas que disputam o lugar para o melhor emprego do mundo. Desta vez, o Turismo Australiano vai premiar seis candidatos, que terão de passar seis meses a conhecer e divulgar a Austrália. A isto, somam-se os 78 mil euros que cada um dos selecionados vai receber.

(Fotografia de: https://www.facebook.com/pages/Pr%C3%B3ximo-Salto-Next-Jump-Outback-Adventurer/637054999644986)

(Fotografia da página oficial do facebook)

Este é, talvez, um dos empregos mais cobiçados do mundo: viagens, paisagens paradisíacas e 78 mil euros por seis meses de trabalho. O Turismo Australiano está a oferecer seis vagas para aquele que diz ser “o melhor emprego do mundo”.

Um desses lugares pode ser ocupado pelo português João Ribeiro, um dos 150 semifinalistas que disputa a vaga de explorador, com mais 24 concorrentes.

“Em 2009 ouvi falar da iniciativa, o Turismo Australiano só estava a oferecer um lugar. Na altura pensei: “pessoa tão sortuda, vai ter este trabalho fantástico e, ainda por cima, tão bem pago”. Quando, este ano, vi que estavam a oferecer seis vagas quis logo concorrer. Afinal, por que não?”, confessou João Ribeiro.

O Turismo Australiano recebeu mais de 500 mil candidaturas de todo o mundo. Em 30 segundos de vídeo, o contabilista, que já trabalhou na Media Capital, conquistou o júri australiano.

“Foi muito difícil compilar tantas ideias em 30 segundos. Juntei várias experiências que tenho vivido e depois fui cortando, foi um processo muito moroso. Estive duas semanas a cultivar a ideia e, na terceira, dediquei-me com afinco, com a ajuda da minha namorada e de um amigo meu”, admitiu o concorrente português.

Um português pelo mundo

“A Austrália sempre me fascinou pela vastidão e diversidade que oferece. Tem praias enormes, florestas tropicais, deserto, é um país riquíssimo em todos os aspetos”, assumiu o concorrente.

João Ribeiro tem 29 anos e já conhece quatro continentes. Falta, precisamente, a Oceânia.

Sempre de mochila às costas e, praticamente, sem nada reservado, este português já esteve em Espanha, França, Inglaterra, Cuba, República Dominicana, Brasil, México, Tailândia, Vietname, São Tomé e Príncipe e Japão.

“Ao viajar de mochila às costas estamos a sair no nosso espaço de conforto e ficamos mais recetivos para apreender novas culturas. Ficamos mais bem preparados para dar a volta às situações e conseguimos usufruir de tudo. É uma forma de alargarmos horizontes”, confessou.

Este slideshow necessita de JavaScript.

De contabilista a viajante

João Ribeiro tem nas mãos uma oportunidade sonhada por muitos: explorar, durante seis meses, um território cheio de maravilhas naturais, receber um prémio/salário de quase 80 mil euros e passar a ser reconhecido no mundo do turismo.

“Há uns tempos, apercebi-me que a profissão que escolhi não é para mim. Sou contabilista e passo grande parte do dia no escritório. Logo eu, que tenho um gosto extremo pela viagem, gosto muito de desportos ao ar livre, de conhecer novas culturas, novos sítios, tudo isso”, reconheceu.

Os seis melhores empregos do mundo

310932_637113959639090_1046481484_nDa primeira vez, o Turismo Australiano ofereceu “o melhor emprego do mundo”. Desta vez, são seis as vagas para este emprego de sonho.

Para os que gostam de frequentar e comentar festivais, há a vaga de “chefe da diversão”; os mais aventureiros têm lugar na categoria de “explorador do interior do país”; existem ainda os cargos de guarda florestal, tratador da vida selvagem, fotógrafo de lifestyle e mestre do sabor, para os que preferirem passar meio ano num verdadeiro roteiro gastronómico.

Para cada cargo, foram escolhidos 25 semifinalistas. João Ribeiro candidatou-se ao lugar de “explorador do interior do país”, numa região repleta de contrastes.

O português recebeu mais apoio do que esperava

Depois de entregar o vídeo de candidatura de 30 segundos, o concorrente teve de enviar, até ao dia 8 de maio, algo que considerasse relevante para a sua participação no concurso. O objetivo era, durante estas semanas, divulgar a iniciativa e recolher o máximo de apoio possível.

“Nestas duas semanas apareci em todos os meios de comunicação social e recebi muito apoio de várias figuras públicas ligadas ao desporto, à televisão, às artes e à música. Compilei tudo isso e mostrei quem são as pessoas de referência na minha vida: a minha família e os meus amigos. Quem melhor, para me recomendar para um emprego destes do que as pessoas que me conhecem desde sempre?”,  atirou, entre risos, o candidato português.

João Ribeiro não esperava ter tanta visibilidade, mas “foi uma grande surpresa e vitória para mim”.

“Com os pés bem assentes na terra”

João Ribeiro assegurou que os 24 concorrentes com quem está a competir têm muita qualidade,  apesar de estar “com os pés bem assentes na terra”, tem esperança de ser um dos seis escolhidos.

“Meti-me neste concurso para ganhar, não foi para ficar a meio, mas chegar até aqui já foi uma grande surpresa”, garantiu o português.

O concorrente diz-se pronto para representar a bandeira da Austrália e, caso vença, coloca até a hipótese de “se perder” por terras australianas. “Adoro o meu país, mas se me sentir bem lá, não terei problema nenhum em ficar. Sempre vindo cá muitas vezes visitar a família e os amigos”.

“Eu penso que sim, são realmente os seis melhores empregos do mundo. Juntamos o útil ao agradável, um trabalho muito atrativo com um salário também muito atrativo, temos o bom dos dois lados”, João Ribeiro

Veja tudo o que João Ribeiro tem feito para conseguir o melhor emprego do mundo:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Acompanhe o João Ribeiro:

No Facebook, no Youtube e no Twitter.

Patrícia Silva

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s