Cultura

Subúrbios uma cultura diferente

Ao afastarmo-nos da capital começamos a ver uma realidade diferente. Os subúrbios onde a realidade é sinistra e não há advérbios. Nos subúrbios a cultura é outra, o rap e os graffitis invadem a mente dos jovens. Aqui tudo é distinto, as roupas, a atitude e, principalmente, a música. Aqui a cultura é outra.

O sol levanta-se sempre mais cedo, para as pessoas trabalharem duas vezes mais e receberem duas vezes menos. Os rostos são mais tristes, mais cansados. Os jovens agarram-se ao que podem, ao rap street.

O rap street é uma nova vertente do hip-hop, aborda temas como o mundo do crime e os problemas do dia-a-dia mas, de uma maneira acessível a todos.

A línguagem é vulgar, para que mesmo aqueles que não tenham um vocabulário vasto consigam entender o significado das letras e não se sintam excluídos.

Colado ao rap streep vêm os graffitis e os tags, que para uns são arte e para outros vandalismo, a verdade é que há quem viva em função disso. Sujeitam-se a multas e, até mesmo, à prisão tudo em prole de uns rabiscos nas paredes ou nos comboios, que passem uma mensagem de contestação e revolta. É uma outra forma de luta contra a injustiça social.

Os subúrbios são um mundo diferente, aqui muito se sonha mas pouco se concretiza. Aqui a pobreza instalou-se sem ter sido convidada, aqui sentes o cheiro intenso que as pessoas carregam porque não ha desodorizante que abafe o trabalho desvalorizado.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s