Nacional

Médico condenado por desviar utentes para o privado

Os rastreios favoreciam a venda de óculos, vendidos pela  rede d e loja da esposa do ex director (Fonte:www.correiobraziliense.com.br )

Os rastreios favoreciam a venda de óculos, vendidos pela rede d e loja da esposa do ex diretor
(Fonte:www.correiobraziliense.com.br )

A Inspeção das Atividades em Saúde condenou um ex-diretor do departamento de oftalmologia do Hospital de Guarda. Em causa estava a promoção de um rastreio, que favorecia financeiramente a empresa do médico condenado.

De acordo com Jornal de Noticias, o condenado chama-se Manuel Dias Santos, e em 2011, pediu à administração do Hospital da Guarda para realizar rastreios às principais causas de cegueira nos centros de saúde.

Na altura, diretor de Oftalmologia da Unidade Local da Saúde da Guarda, Manuel Dias Santos também era sócio de uma empresa de serviços oftalmológicos, empresa que realizou os rastreios de cegueira.

Desta forma, o médico conseguiu sair beneficiado, pois devido ao rastreio, houve um aumento significativo de consultas no seu consultório privado como também um aumento de vendas de óculos.

Óculos esses que era recomendados no rastreio, e que seriam vendidos  na lojas oftalmológicas que a esposa do ex director, era sócia de uma empresa de oftalmologia.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s