Internacional

Jorge Bergoglio é o novo papa

Após o fumo branco, foi preciso mais de uma hora, para o cardeal francês Jean-Louis Tauran anunciar, a partir da varanda da Basílica de S. Pedro, o nome do novo Papa, Jorge Mario Bergoglio.

Vatican Pope

Jorge Mario Bergoglio é o 266.º Papa da Igreja Católica.
(fonte: http://www.voxxi.com)

Jorge Bergoglio, agora Papa Francisco I, nasceu em Buenos Aires e tem 76 anos. O nome de Jorge Bergoglio era um dos nomes falados para suceder a Bento XVI. Bergoglio, arcebispo de Buenos Aires, é o primeiro papa latino-americano e o primeiro jesuíta a chegar ao cargo máximo da Igreja Católica.

Na Argentina, Bergoglio é conhecido pelo seu conservadorismo, pela sua batalha contra o kirchnerismo e é reconhecido por ser um  defensor da ajuda aos pobres. O argentino costuma apoiar programas sociais e desafiar publicamente políticas de livre mercado. É considerado um ortodoxo conservador em assuntos relacionados à sexualidade, opondo-se arduamente ao aborto, ao casamento entre pessoas do mesmo sexo e ao uso de métodos contracetivos.

Francisco I é o 266º papa da história da Igreja Católica. Filho de um casal de italianos (Mario e Regina Bergoglio), o religioso jesuíta chegou a formar-se como técnino químico, mas logo abraçou o sacerdócio e começou os seus estudos religiosos no seminário da Villa Devoto, um bairro na capital argentina.

Estudou na faculdade de teologia do Colégio de San José, em San Miguel de Tucumán, cidade no norte da Argentina. O seu sacerdócio começou em 1969, no mesmo ano em que partiu para Espanha, com o objetivo de completar a sua formação intelectual na Universidade Alcalá de Henares, em Madrid. Em 1972 retornou à Argentina onde continuou a sua carreira apostólica no norte do país.

Bergoglio ainda voltou à Europa em 1986, para concluir o seu doutorado, na Alemanha, mas acabou por retornar ao seu país no mesmo ano para assumir o cargo de diretor espiritual e confessor da Companhia de Jesus, em Cordoba. O seu retorno à cidade natal aconteceu em 1992, quando foi nomeado bispo de Auca e auxiliar de Buenos Aires por João Paulo II.

A escolha do novo papa aconteceu 13 dias após renúncia de Bento XVI.

Após 13 dias da renúncia de Bento XVI, a quinta votação do conclave, realizada na tarde da passada quarta-feira (dia 13), terminou com a escolha do novo papa. Às 15h07 o tão esperado fumo branco saiu da chaminé da capela Sistina, indicando que os cardeais chegaram a um consenso sobre o próximo líder da Igreja Católica Apostólica Romana.

Os sinos da basílica de São Pedro confirmaram que o novo pontífice recebeu dois terços dos votos dos cardeais e já aceitou a missão de comandar a Santa Sé. A escolha foi realizada por 115 cardeais, estavam aptos a votar apenas os cardeais com menos de 80 anos. A presença deles, segundo o Vaticano, era obrigatória. No entanto, dois eleitores conseguiram a dispensa necessária para não participarem na votação, um por motivo de saúde (cardeal indonésio Julius Darmaatjadja) e outro por ter renunciado ao cargo (cardeal britânico Keith O’Brien).

O padre argentino Estebán Rodriguez ficou surpreendido com um papa do seu país. “Foi uma surpresa total e espero que ele continue a surpreender-nos”, disse. A escolha do nome do novo pontífice também o agradou, “Francisco é um santo de muita humildade, de dedicação aos pobres e aos mais necessitados.”, acrescentou Estebán Rodriguez.

As primeiras palavras do novo papa.

“Buona sera”, disse dirigindo-se aos fiéis na praça de S. Pedro em italiano, agradecendo o acolhimento de todos. “Parece que os cardeais foram buscar-me ao fim do mundo”, acrescentou. Depois, rezou em homenagem ao papa emérito, Bento XVI.

Apelou, ainda, à “fraternidade”, ao “amor” e à “evangelização” dentro da Igreja e pediu um minuto de silêncio: “Rezem por mim e deem-me a vossa bênção.” Depois deu a sua primeira bênção ‘Urbi et Orbi’.

Jornais argentinos surpreendidos com a escolha do novo papa.

jornaisargentinospapaole

O jornal desportivo Olé brinca com a escolha do novo papa: “As mãos de Deus: Maradona, Messi e agora Jorge Mario Bergoglio.”

jornaisargentinospapadiario-popular

O site do Diário Popular destaca a “surpresa mundial” na escolha de Bergoglio.

jornaisargentinospapadiario-de-cuyo

O Diário de Cuyo também destacou a eleição do papa argentino.

Jorge Mario Bergoglio é adepto do San Lorenzo Almagro.

Cartão de sócio de Jorge Mario Bergoglio no San Lorenzo. (fonte: http://www.folha.uol.com.br/)

Cartão de sócio de Jorge Mario Bergoglio no San Lorenzo.

O clube de futebol argentino San Lorenzo de Almagro manifestou orgulhoso por  Jorge Bergoglio ter sido escolhido para liderar a Igreja Católica.

“É um orgulho para a Instituição saber que o primeiro papa seja sul-americano e sócio do San Lorenzo”, afirmou o clube numa mensagem divulgada através da sua conta oficial no Twitter.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s