Internacional

Manifestantes tentam impedir a demolição do que resta do muro de Berlim

4388117237_b6306cce76_z


Para travar a construção do edifício que deitará abaixo o muro será necessária a intervenção de políticos locais.
(Imagem: http://www.flickr.com)

Eram cerca de 200 manifestantes os que se reuniram hoje em Berlim para impedir a demolição de um segmento de 22 metros do histórico muro que dividiu a cidade durante cinquenta anos.

Para aquele local espera-se a construção de “apartamentos de luxo”, um bloco de 14 andares e de uma ponte. A polícia alemã anunciou que, devido à manifestação, as obras foram interrompidas.

O muro de Berlim, cuja construção começou em 1961, dividiu durante décadas a cidade de Berlim, repartida no final da Segunda Guerra Mundial entre a parte oriental, controlada pela União Soviética, e a parte ocidental, controlada pelos Aliados.

A queda do muro começou em 1989 e é o símbolo mais visível da divisão entre os blocos soviético e ocidental que vigorou durante o período que ficou conhecido como Guerra Fria.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s