Internacional / Nacional / Notícias

Mestrado português entre os 100 melhores do mundo

“The Lisbon MBA” é um programa internacional que resulta de uma parceria entre a Universidade Nova e a Católica de Lisboa. A lista foi elaborada pelo jornal Financial Times e coloca Portugal no 61º lugar a nível mundial e no 15º na Europa.

MBA lisboeta entra em ranking mundial(Fotografia do morguefile.com, por Mconnors)

MBA lisboeta entra em ranking mundial
(Fotografia do morguefile.com, por Mconnors)

É a primeira vez que um mestrado português entra nesta lista. “The Lisbon MBA” está entre os cem melhores do mundo, num dos rankings mais conceituados a nível internacional, que avalia formações pós-graduadas na área da Economia e Gestão. O programa é o 61º do mundo e o 15º melhor da Europa.

Foi criado há cinco anos e, no primeiro ano em que pode ser elegível, entra na lista do Financial Times. Uma lista que é habitualmente tida em conta por potenciais alunos.

Investimento rentável, melhores salários e mais experiência internacional

Esta formação nacional é uma das mais rentáveis em termos de investimento. “É um fato extraordinário que no primeiro ano que é elegível no ranking o “The Lisbon MBA” consiga esta boa classificação nomeadamente no “value for money” que calcula o retorno do investimento, o que os alunos ganham com o programa tendo em conta o investimento” – assegurou o diretor da Universidade Nova, José Ferreira Machado. Nesta categoria, o MBA lisboeta conseguiu a 6ª posição, ficando à frente de escolas como Havard, Stanford ou a London Business School.

O mestrado português ocupa, ainda, o 7º lugar no que toca à compensação salarial após o programa. Em 2012, 73% dos alunos que se graduaram arranjaram emprego nos seis meses que se seguiram ao final do curso. Os graduados pelo “The Lisbon MBA” ganham, em média, 62.200 euros de ordenado anual.

Porém, é na categoria de experiência internacional, que avalia o tempo que o aluno pode passar fora do país durante o mestrado, que o MBA atinge a melhor posição – o 3º lugar.

Nuno Lourenço, diretor do MBA, acredita que a entrada no ranking pode ter um “impacto importante” no futuro desta formação. E acrescenta que “a internacionalização foi sempre uma das nossas apostas e estamos agora em condições de atrair ainda mais alunos de geografias e culturas diferentes para fazer de Lisboa um grande centro de formação nesta área.”

Número um da lista

O ranking do jornal Financial Times é liderado por instituições dos Estados Unidos: no primeiro lugar está a Havard Business School, seguida da Graduate School of Business de Stanford e a Wharton School da Universidade da Pensilvânia.

A primeira Universidade europeia a liderar a lista é a London Business School, que ocupa a 4ª posição.

Dos 100 mestrados que fazem parte da lista, 23 são europeus.

 

Para mais informações consulte a lista completa no jornal Financial Times.

Pode, ainda, ver o ranking MBA interativo e outras publicações relacionadas com o assunto.

 

Patrícia Silva

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s