Nacional

PSP pede proibição de petardos em manifestações

A manifestação dos estivadores a 29 de Novembro de 2012, onde foram utilizados petardos durante os protestos, fez com que a Polícia de Segurança Pública pedisse ao Ministério da Administração Interna que a sua utilização seja proibida nas manifestações.

MANIF ESTIVADORES

Manifestação de 29 de novembro de 2012
(Fonte: Página oficial do facebook Estivadores de Portugal)

A preocupação da PSP com a prende-se com o risco de ferimentos que estes podem causar em diferentes espaços.

Em entrevista ao Jornal Público o intendente Pedro Moura, do departamento de armas e explosivos da polícia, disse que “a perigosidade destes engenhos é grande. Ao deflagrar, a pólvora pode cortar um dedo, uma mão… A PSP já fez sentir os seus receios ao Governo, e o ministro da Administração Interna também se mostrou preocupado”.

O ministério da Administração Interna anunciou esta quarta-feira, 2 de Janeiro de 2013,que está a trabalhar no enquadramento legal do uso de petardos e outros explosivos.

O uso destes engenhos era mais utilizado nos espetáculos desportivos, principalmente em jogos de futebol, começa a tornar-se mais visível nas manifestações sociais.

Mariana Paiva Cardoso

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s